Close

Ainda não é um membro? Registre-se agora para começar.

lock and key

Conectar na sua conta.

Account Login

Esqueceu sua senha?

Estudo reafirma o papel da proteína do soro do leite no desenvolvimento da musculatura magra

Estudo reafirma o papel da proteína do soro do leite no desenvolvimento da musculatura magra
 
Copo de Leite

À medida que os consumidores mais preocupados com saúde buscam melhorar seu bem-estar geral, a proteína do soro do leite – uma proteína láctea completa e de alta qualidade – tem todos os aminoácidos necessários para construir e manter a massa muscular magra. Um estudo apresentado recentemente na Reunião Anual do American College of Sports Medicine (ACSM) descobriu que a proteína do soro do leite é mais efetiva no desenvolvimento da musculatura magra quando comparado com a proteína da soja.

Os produtores de leite e a indústria de lácteos dos Estados Unidos vem há um tempo realizando pesquisas científicas com o foco em entender melhor e promover o valor dos ingredientes lácteos. “Os consumidores estão buscando seus alimentos e bebidas não somente pelo sabor, mas para apoiar seu estilo de vida saudável também”, disse a vice-presidente sênior de Marketing Global do Conselho de Exportação de Lácteos dos Estados Unidos (USDEC), Vikki Nicholson. “A proteína do soro do leite é um ingrediente lácteo ideal para ajudar a suprir essas demandas – é fácil de digerir e uma proteína completa fornecendo uma das melhores fontes de aminoácidos de cadeia ramificada”.

O estudo, financiado pelo Dairy Research Institute e apresentado no ACSM pelo principal pesquisador do estudo, Jeff Volek, professor associado da Universidade de Connecticut, acompanhou participantes por nove meses à medida que eles realizavam um programa de treinamento de resistência três vezes por semana. Um grupo recebeu 20 gramas de concentrado de proteína do soro do leite e o outro recebeu a mesma quantia de isolado de soja diariamente (ao café da manhã nos dias sem treino ou imediatamente após o exercício).

“Após nove meses de treino de resistência, todos os participantes apresentaram aumentos na massa muscular magra. Os ganhos para os participantes que consumiram proteína do soro do leite (3,3 quilos) foram significantemente maiores do que os dos participantes que consumiram proteína de soja (1,8 quilos) – potencialmente devido ao teor de aminoácidos de cadeia ramificada da proteína do soro do leite”.

O estudo teve crescentes resultados de pesquisa que mostraram o valor do treino de resistência combinado com a suplementação de proteína do soro do leite na construção de massa muscular magra. A proteína do soro do leite contém naturalmente leucina, um aminoácidos de cadeia ramificada que tem um papel significante na manutenção e reparo dos músculos. Esse aminoácido não pode ser produzido pelo corpo e precisa ser obtido através dos alimentos.

“A proteína é um nutriente essencial que tem um papel muito importante na dieta dos americanos. Além de construir e reparar os músculos, ela tem mostrado aumentar a saciedade e pode combater a perda de massa muscular relacionada à idade”, disse o diretor de pesquisa em nutrição do Dairy Research Institute, Keigan Park.

Além disso, a proteína do soro do leite fornece esses benefícios com um sabor bom e neutro, tornando-o um ingrediente ideal, especificamente para os consumidores que estão preocupados com sua saúde.

Leave a Reply